hyperfan  
 

Flash # 08

Por Rodrigo 'Camatz' Nunes

Simples Decisões

:: Sobre o Autor

:: Edição Anterior
:: Próxima Edição
:: Voltar a Flash
::
Outros Títulos

"O que fazer quando a maior proposta do mundo lhe é oferecida?"

"Eu não sei. Simplesmente não tenho a mínima idéia do que fazer."

"Eu sou Wally West. Um herói, membro da Liga da Justiça e, quando posso, dos Titãs. Sou o homem mais rápido do mundo. Mas os deuses podem ser ainda mais..."

"Há pouco, enquanto tentava evitar um assalto a banco com reféns, um mito apareceu. Um deus greco-romano: Hermes, senhor dos mensageiros e dos ladrões. E ele me disse que poderia me dar muito mais poder..."

"Uma figura esplendorosa, sobrecarregada de vitalidade e brilho, cabelos cacheados cor de ouro, me disse assim..." (*)

Meia hora atrás...

— Eu sou Hermes, filho de Zeus, senhor de todo o Olimpo. E minha presença deve agraciar teu coração, mortal. Sou o senhor dos mensageiros, dos gatunos, da velocidade. Posso impedir o desenrolar do tempo, como podes ver. Ou posso avançá-lo até as lanças flamejantes atingirem os corpos mortais indefesos. Mas esse não é meu propósito aqui, aliado de Diana. Estou aqui para te proporcionar a maior barganha de vossa humilde vida...

A pausa é inquietante. Tendo impedido a passagem do tempo ao redor, a divindade fez com que nada impedisse ou atrapalhasse a conversa. Um silêncio que gera ansiedade.

— Quero que sejas meu mensageiro, meu apóstolo. Que leves minha palavra de fé para onde quer que vá. Em troca, te darei uma parcela de meu poder. Poderás ser ainda mais veloz. Pararás o tempo. Te tornarás invisível aos olhos mortais. Serás um semi-deus. Mais poderoso do que aquele que carrega o legado de Krypton ou que o filho de Odin. Já estiveste em busca desta dádiva (*) e agora ela te é dada.

O herói escarlate permanece mudo, sem reação.

— E então, qual será vossa resposta?

Depois, na grama de um parque de Central City...

— Não sei, Wally. Trata-se de algo que só você pode decidir.

"Jay foi o primeiro Flash. A melhor pessoa para me aconselhar, para me dizer o que fazer. E ele não sabe a resposta."

— Quero que me desculpe também. Não lhe avisei que não posso mais correr e este erro quase custou vidas.

— Eu errei também, Jay. Sempre acho que todos estão à minha disposição. Talvez tenha sido isso que me fez perder a Linda. Mas me conta melhor o que você tem.

— Idade, filho. Não tenho mais o pique e o vigor da juventude. Cada vez que corremos, nossos corpos vibram muito. E meu coração já não é tão forte. Preciso evitar usar meu poder para não ter um ataque do coração.

— Ahhh...

— É difícil contar isso para as pessoas. Sempre queremos permanecer jovens, imortais. Não aceitamos nossas limitações...

"Jay é um sábio. A idade faz com que eu sinta nele um pai. Fez parte de um dos primeiros grupos de heróis do mundo, durante a segunda guerra mundial, viu amigos morrerem, lutou muito, mas continua com o mesmo ar patriarcal."

— Que horas você vai dar a resposta ao deus?

— Daqui a pouco. Ele me deu meia hora para pensar. Apesar de que foi meio que a contragosto.

— Acho que dá tempo, então. Tome...

Jay tira uma caneta e um bloco de papel do bolso e escreve algo.

— Vá nesse endereço antes de dar uma resposta. E lembre-se: com grandes poderes, vêm grandes responsabilidades. Meio antiquado, né? Mas gostei. Vi essa frase no trailer de um filme no cinema e ela me marcou, filho.

"E eu saio correndo, deixando para trás um pai e grande amigo."

"Não presto atenção no endereço que Jay escreveu, só me encaminho até ele, sem notar aonde me levaria. Ou o que faria na minha consciência. Fica no centro da cidade: o Museu Flash!"

"Anos de dedicação a Central City e Keystone fizeram com que as cidades homenageassem os velocistas que tanto as defenderam. Cada peça da coleção me lembra uma história, uma aventura."

"As pistolas do Capitão Frio e Onda Térmica."

"Fotos dos combates com Starro, a estrela do mar gigante alienígena conquistadora."

"A esteira capaz de deslocar os Flashes no tempo."

"Os uniformes de Jay, Impulso e Jesse Quick."

"Estátuas de cera com nossos principais aliados, como a Liga da Justiça e o Quarteto Fantástico."

"Um documentário em vídeo de quando o Mercúrio me desafiou. Coitado. Virou piada nacional..."

"E uma manchete de jornal. 'Flash morre durante a crise'. Barry Allen. Meu tio. O homem que me ensinou tudo o que sei. Que estava presente quando ganhei meus poderes." (**)

Minutos depois...

"'Sempre queremos parecer jovens e imortais.' As palavras de Jay não saem de minha cabeça. Não somos jovens para sempre; nem imortais. Uma lágrima cai em minha face..."

— Hal Jordan, o Lanterna Verde, quis dominar ainda mais poder e se perdeu na insanidade. (***) Eu quis poder e me descontrolei. Barry Allen, o segundo Flash, foi meu maior exemplo. Quando os céus se tornaram vermelho-sangue e uma nuvem de antimatéria consumiu tudo, ele foi o mais forte, o mártir, mesmo sem os poderes de um deus.

— O que quer dizer com isso? — Indaga Hermes, enquanto para o tempo ao nosso redor, aguardando minha resposta.

— Que você não esteve presente ali. Não me ofereceu poder ali, quando eu mais precisei. Mas que agora quer que eu me torne seu arauto, o mensageiro de sua palavra. Por que brincam com o destino das pessoas desse jeito?

— Ora, nobre mortal, lhe foi dada a dádiva de poder receber parte de meus poderes. Não a chance de questionar minhas intenções.

— E a minha resposta é não.

— Como não? Ousa me desafiar?

"Não respondo. Nem quero. Não preciso de mais poderes. Às vezes, a felicidade está em coisas simples. Como ver Impulso crescer. Assistir Jay cuidando do seu jardim. Rir com Dick e Donna. (****) Se orgulhar de Jesse assumindo meu lugar nos Titãs. (*****)"

"Lembrar dos que já se foram. E aprender com os erros dos que tudo quiseram."

Flash parte, deixando um atônito deus para trás.

"A vida é simples. Nós é que a complicamos..."

:: Notas do Autor

(*) Na última edição.voltar ao texto

(**) Uma lembrança de Crise nas Infinitas Terras, mini-série publicada pela Editora Abril.voltar ao texto

(***) Em "Crepúsculo Esmeralda", especial publicado pela Editora Abril. Para mais detalhes, leia Lanterna Verde aqui no Hyperfan.voltar ao texto

(****) Dick Grayson e Donna Troy, Asa Noturna e Tróia, respectivamente. Leia Titãs aqui no Hyperfan.voltar ao texto

(*****) Jesse Quick, membro dos Titãs.voltar ao texto



 
[ topo ]
 
Todos os nomes, conceitos e personagens são © e ® de seus proprietários. Todo o resto é propriedade hyperfan.