hyperfan  
 

Liga da Justiça # 38

Por Robson Costa

Triunvirato

:: Sobre o Autor

:: Edição Anterior
:: Próxima Edição
:: Voltar a Liga da Justiça
:: Outros Títulos

— Opa! Devagar aí, ô do anel! — fala Oliver Queen, posicionando-se na frente de Kyle Rayner — O Anarquia é o nosso informante. Peguem! Vejam o que ele descobriu...

Kyle Rayner e Metamorfo abandonam a posição de ataque, enquanto analisam a pasta entregue pelo Arqueiro Verde. Depois de algum tempo em silêncio, o Lanterna Verde pergunta:

— Tudo isto é verdade?

— Eu lhe garanto, Lanterna. — fala o Anarquia.

— Garoto, — diz Rex Mason — você não é muito confiável. Você sabe disso. Para mim, você é um terrorista. Mas se o que estamos lendo for verdade, é dinamite pura.

— E como você ficou sabendo disso, Arqueiro? — pergunta o Lanterna.

— Fui eu quem mostrou estas provas para o Arqueiro, depois que encontrei com o Anarquia e três agentes do Xeque-Mate. — fala a Caçadora.

— Muito bem, Arqueiro. Eu e o Metamorfo vamos fazer parte dessa sua investigação sobre o cubo cósmico. Mas saiba desde já que não confiamos muito no seu informante. Estarei sempre com um pé atrás e um anel preparado.

— Ótimo! — fala Arqueiro — Mas o que significa o Dr. Silvana aqui?

— Você falou que precisava de alguém com conhecimento científico. — fala o Anarquia — Como descartamos os seus colegas, eu fui atrás de alguém que pudesse fazer este servicinho. E como o Dr. Silvana estava disponível...

— Você quer dizer que ele não estava preso? — pergunta Metamorfo.

— Ele tinha sido solto hoje. Não tinha compromissos. Estava disponível. — fala a Caçadora.

— Muito bem! Então ele está na nossa missão. — fala o Arqueiro.

— Mas sob protestos! — fala o vilão.

— Não nos interessa, mas ficaremos de olho em você, Silvana. Você é traiçoeiro e liso como uma cobra. Agora, vamos planejar. Onde fica o laboratório que está construindo o cubo?

— No Oregon. — mostra o Anarquia em um mapa que estava na pasta — É um prédio afastado, com pouca segurança aparente, para não chamar atenção.

— Muito bem! O primeiro passo é chegarmos lá. — fala Oliver Queen — Como será impossível usarmos o teletransportador da Liga devido a integrantes de nosso grupo, o Lanterna fornecerá o transporte.

— Muito bem, então. Todos a bordo da bolha.

Um raio esmeralda sai do anel de Kyle Rayner e envolve a todos, formando uma esfera verde. Kyle sai voando, levando a bolha junto, com uma espécie de raio trator do seu anel. Oliver Queen vai até a parte da bolha mais próxima de Kyle.

— Garoto! Mais um pedido: fique de olho também no Silvana.

— Nem precisava pedir, Ollie.

A viagem é rápida. Kyle usa o anel também para que não sejam detectados por radares. Do alto, o Anarquia aponta para o laboratório usado pelo governo. O grupo desce e se esconde no meio da mata que cerca o prédio. Oliver Queen usa um binóculo e faz uma verificação do local.

— Pelo que eu percebi, há apenas dois guardas do lado de fora. Caçadora e Anarquia, coloquem-nos para dormir. E, — segurando o braço de Lonnie Macchin — sem matar ninguém.

Anarquia balança a cabeça em acordo. Rapidamente, os dois entram na mata, até não serem percebidos por seus colegas de missão. Em questão de segundos, já estão perto dos guardas. Caçadora aplica um golpe de arte marcial e o primeiro guarda cai descordado. Anarquia usa o seu taser e obtém o mesmo resultado com o segundo. Eles fazem sinal para o grupo. Kyle dispara um raio do seu anel em direção das câmeras.

— Pronto. Elas transmitirão apenas a última imagem antes do nosso ataque.

O grupo avança rapidamente até chegar onde estão Caçadora e Anarquia. Oliver Queen localiza as saídas de ar.

— Rex, coloque todos para dormir.

— É pra já. — Metamorfo assume uma forma gasosa e entra por uma das saídas.

Arqueiro Verde dispara flechas com gás sonífero por outra, sendo seguido pelo Anarquia que também usa granadas com a mesma substância. Os heróis esperam um tempo, até que Rex entra em contato com eles, via o comunicador da Liga.

— Pronto! Estão todos dormindo.

Anarquia insere um cartão na leitora. O cartão está conectado a um pequeno aparelho que testa uma série de seqüências numéricas até que a porta do prédio é aberta. Eles chegam perto de uma console e acessam um mapa da instalação.

— Aqui! — aponta Anarquia para o local onde está o cubo.

Eles partem rapidamente para a sala localizada no terceiro andar do prédio. Pelo caminho, eles encontram cientistas e seguranças desmaiados pelo ataque de Rex Mason. Enfim, chegam na sala.

— Droga! — fala o Anarquia — O sistema para entrar é diferente.

— Sem problemas, guri. Lanterna!

Kyle cria um abridor de latas, que faz uma entrada na porta do laboratório. O grupo entra e, no centro da sala, eles vêem o cubo cósmico dentro de uma estrutura de vidro, flutuando no ar.

— Então é verdade mesmo! — fala Metamorfo.

Caçadora aciona alguns botões e a estrutura se abaixa, permitindo que o Arqueiro Verde pegue o artefato.

— Isto é muito poder na mão de uma pessoa só.

— Porém, mascarado, — fala Dr. Silvana, com relatórios na mão — o cubo está instável. Segundo testes feitos, ele poderá explodir e levar não um pedaço do Oregon para o espaço, mas todo este mísero planetinha.

— Com o que você acabou de dizer, Silvana, agora mais do que nunca eu vejo que temos de envolver o resto da Liga da Justiça nisso. — Oliver Queen guarda o cubo em um bolso do seu uniforme — Vamos embora, pessoal.

O grupo avança pelos corredores. A missão está cumprida. Agora basta convocar a Liga e apresentar o cubo e as provas do Anarquia. No momento em que saem do prédio, um raio prateado explode perto deles, jogando cada um para um lado. Oliver Queen levanta a cabeça e vê flutuando o Capitão Átomo, rodeado por vários agentes do Xeque-Mate.

— Acabou, Arqueiro! — fala Nathaniel Adam — Entreguem o cubo e se rendam!

— Droga! Droga! — reclama Dr. Silvana — Sabia que daria nisso ao auxiliar estes idiotas mascarados.

O cientista tenta encontrar um lugar para se proteger.

— Como eles chegaram aqui tão rápido? — pergunta o Metamorfo.

— Provavelmente, havia algum dispositivo especial de segurança na sala do cubo. — conclui Oliver Queen.

— E aí, Arqueiro? O que fazemos? — pergunta Kyle.

— Fazemos o correto!

Kyle entende e dispara um raio do seu anel, que lança o Capitão Átomo longe. Os Cavalos atacam no mesmo instante, sendo seguidos pelos heróis. Caçadora derruba vários com seus golpes, ao mesmo tempo em que desarma outros com as flechas da sua besta. Kyle sai voando e começa uma luta no ar contra o Capitão Átomo, que já tinha se recuperado. Anarquia une-se à Caçadora e derruba outros agentes. Metamorfo transforma-se novamente em gás sonífero, porém os agentes estão preparados. Ele, então se solidifica. Suas mãos assumem as formas de uma espada e um escudo e ele avança na direção dos Cavalos. Oliver Queen prende ou desarma alguns agentes com suas flechas. Silvana se protege atrás de uma árvore, enquanto a batalha continua. De repente, um brilho prateado chama a sua atenção: o cubo cósmico caiu do uniforme do Arqueiro Verde e agora está esquecido no gramado. O vilão não pensa e salta na direção do artefato. Anarquia percebe o gesto de Silvana.

— Não, Doutor! Este cubo não será do governo e também não será seu!

Lonnie Macchin salta e os dois alcançam o cubo ao mesmo tempo.

— Largue-o! Ele é meu!

— Não, Doutor! Ele não será seu!

Começa uma disputa entre os dois, até que um brilho os envolve e eles desaparecem. O Arqueiro Verde vê o brilho e os dois vilões sumirem. Instintivamente, passa a mão pelo seu uniforme e percebe que o cubo não está mais com ele.

— Droga! Fomos enganados! Caímos como patinhos!

Um tiro passando de raspão chama-o de volta à realidade. Kyle cai perto dele, após receber uma forte rajada do Capitão Átomo.

— Caçadora! Rex! Para cá!

Os dois livram-se dos Cavalos que os atacam e aproximam-se dos seus colegas. A um sinal de Queen, Metamorfo altera novamente o seu corpo, transformando-se em uma fumaça negra. O Arqueiro dispara flechas especiais, que lançam também cortinas de fumaça. Em pouco tempo, os heróis estão cobertos.

— Agentes! — ordena Capitão Átomo, vindo do alto — Detenham-nos!

Os cavalos disparam vários tiros em direção da fumaça, enquanto outros colocam óculos especiais para poderem visualizá-los.

— Tarde demais, senhor! — informa um dos agentes, assim que a fumaça se dissipa — Eles já fugiram! O que faremos agora?

— O que faremos? Vamos convocar a Liga da Justiça!

Silvana e Anarquia abrem aos poucos os olhos, tentando-se acostumar com o brilho que os envolveu. Gradativamente, o brilho diminui, até revelar que os dois não estão mais no Oregon. Eles estão agora em um laboratório, muito mais complexo e sofisticado que o do governo federal. Aproveitando que ainda estão tontos com o teletransporte, andróides surgem e os prendem. Após imobilizá-los, os robôs levam os dois para uma outra sala. Lá, três vultos no escuro os esperavam.

— Sejam bem-vindos! Nós somos o Triunvirato! — recepciona um dos vultos.

— Eu me recuso a falar com pessoas que se escondem na escuridão! — fala Dr. Silvana.

— Acalme-se, Thaddeus Silvana. — fala uma segunda voz — Vamos nos apresentar — Uma luz acende acima dos três vultos, revelando suas identidades — Caso não nos conheçam, à minha esquerda está o Dr. F.U. Turo e à minha direita, o renomado biólogo, Dr. Arnim Zola. Eu me chamo Pensador Louco.

— O que significa isso? Por que vocês nos capturaram? — pergunta o Anarquia.

— Ora, meu jovem, — responde Zola — nós fizemos isso porque o cubo que vocês roubaram... foi criado por nós.

Oregon

Capitão Átomo olha para o céu e acompanha a chegada dos justiceiros: Super-Homem, Mulher-Maravilha e Aço.

— Como vai, Capitão? — fala Super-Homem, estendendo a mão em direção de Nathaniel Adam, que corresponde.

— Obrigado por terem vindo, Liga. Principalmente, que toda esta confusão foi causada por membros do seu grupo.

— Não esqueça que você fez parte dele há pouco tempo. — fala Aço.

— Achei! — fala um borrão escarlate que se aproxima dos heróis.

— Obrigado, Flash. Mostre-nos onde eles estão. — fala Clark Kent — E, Capitão, agora isto é um assunto interno da Liga.

Nathaniel concorda, contrariado, enquanto os justiceiros partem atrás de Flash. Em uma clareira, Arqueiro discute com a Caçadora:

— Eu devia ter seguido os meus instintos e não ter confiado naquele moleque!

— Ele não estava mentindo, Queen! Ele nos levou ao cubo cósmico!

— E, na melhor oportunidade, se mandou com o amiguinho dele.

— Já falei que Silvana e o Anarquia não são aliados.

— Reconheça, Caçadora: o Anarquia te enganou como enganou a mim. Kyle é que estava com razão. E agora, seremos procurados por roubo e não sei mais o quê, dependendo da ação do seu namoradinho e o amigo careca dele.

Helena Bertinelli é tomada pela raiva e acerta um tapa na cara de Oliver Queen, que perde o equilíbrio e cai.

— Não me confunda com as mulheres com quem você sai.

— Calma! Calma, pessoal! — fala Kyle, erguendo uma parede verde, entre os dois — Isto não vai nos levar a nada. Temos que encontrar onde está o cubo, o Dr. Silvana e o Anarquia. Caçadora, você tem alguma pista onde podemos encontrar o Anarquia?

— Bem, eu conheço um dos esconderijos dele em Gotham. Foi onde ele me mostrou pela primeira vez as provas sobre o cubo.

— Então, vamos para Gotham investigar isso. — fala Metamorfo.

— Desculpe, pessoal, — fala Super-Homem, chegando do alto, junto com a Mulher-Maravilha e Aço — mas vocês vão nos acompanhar.


Na próxima edição: Grupo do Super-Homem versus grupo do Arqueiro Verde. E conheçam o novo Senhor do Mundo!




 
[ topo ]
 
Todos os nomes, conceitos e personagens são © e ® de seus proprietários. Todo o resto é propriedade hyperfan.